Atualizado: 05/08/19.

A pipa ou papagaio é uma das principais brincadeiras de crianças e alguns adultos, essa prática é realizada durante todo o ano porém se intensifica no mês de agosto quando os ventos predominam com mais força. O correto é que as pessoas não soltem pipas em dias nublados e de chuva principalmente se houver relâmpagos além disso é importante não brincar perto de antenas, fios telefônicos ou cabos elétricos, opte sempre por locais ermos. As crianças devem ser orientadas a dar preferência para os papagaios sem rabiolas, pois na maioria dos casos é esta a parte que se prende aos fios ocasionando acidentes. Outra dica importante do Corpo de Bombeiros é não subir em lajes e telhados para empinar pipas e jamais utilize linha metálica como fio de cobre de bobinas na brincadeira. Também não faça pipas com papel laminado pois o risco de choque elétrico é grande. Tome cuidado com Ruas e lugares movimentados principalmente quando andar de costas para observar as manobras do papagaio no céu pode ter algum buraco na pista.

VIDAS EM RISCOS

Para os motociclistas e ciclistas a linha com cerol pode representar um enorme risco de vida. Por isso não faço uso da mistura de vidro moído com cola na linha em nenhuma hipótese, até mesmo a linha comum sem cerol pode causar acidentes se ficar atravessada em vias públicas na frente de motos ou bicicletas. Caso uma pipa enrosque em fios não tente retirá-la é melhor fazer outra, nunca use canos vergalhões ou bambus para alcançá-la ou desenrolá-la e ao correr atrás de papagaios não deixe de observar o trânsito evitando atropelamentos. Os Bombeiros aconselham ainda que os condutores de motos equipem o veículo com antenas antilinhas já que o adereço evita que eventuais linhas com cerol os atinjam diretamente causando cortes profundos e até fatais.

CRIME

O cerol é proibido pela Lei Estadual 14394/2002 sendo que os responsáveis pelos menores que infringirem essa lei podem ser penalizados. Para denúncias envolvendo menores que estejam utilizando o cerol ou as linhas chilenas que também são conhecidas por serem altamente cortantes a população deve entrar em contato com o 190.

PREJUÍZOS

Todo ano a Cemig registra problemas ligados diretamente à brincadeira de soltar papagaios. Os acidentes acontecem quando o papagaio fica preso na rede elétrica e as pessoas tentam retirá-lo utilizando materiais condutores como pedaços de madeira e barras metálicas ou de ferro. O contato com a rede elétrica pode ser fatal além do perigo de queda devido ao impacto causado pelo choque elétrico. Os acidentes mais comuns são queda de altura e choque elétrico com queimaduras graves. Além disso, pipas na rede elétrica podem deixar consumidores sem energia. As principais causas dos desligamentos são o rompimento de cabo devido ao uso do cerol e curtos-circuitos provocados pela tentativa de retirar o papagaio da rede. A VOZ DO POVO.

CURTIU ? Vai La Compartilhe Nosso Post No WHATS E Nas Redes Sociais

FAZER UM COMENTARIO