Atualizado: 12/12/2018.

O prefeito Muicipal de “Cruzeiro da Fortaleza” Sr. “Agnaldo Ferreira da Silva”, está em “Belo Horizonte” na capital mineira, na pressão dos gestores municipais contra o “Fundo extraordinário do Estado” no “ALMG”. Mais de 500 pessoas, sendo 381 prefeitos mineiros, compareceram na “Assembleia Geral Extraordinária da Associação Mineira de Municípios” (AMM), nesta tarde de terça-feira, (11) para discutir sobre a aprovação pela “Assembleia Legislativa” de Minas Gerais (ALMG) do Projeto de Lei (PL) 5.456/18, do governador “Fernando Pimentel”, que institui o Fundo Extraordinário do Estado de Minas Gerais (Femeg). Por unanimidade, os “prefeitos” votaram contra a proposta do “Estado” e a aprovação do projeto, que na prática se for aprovado, os repasses do “Estado”, devidos aos municípios acumulados em R$ 10,5 bilhões, ficariam condicionados as previsões orçamentárias do “Governo Federal” com Minas Gerais, entre outras previsões. A posição dos prefeitos e da “AMM” é a de ser contra o “Fundo”. Agora, os prefeitos manifestarão a sua posição aos deputados, pois os votos são deles (deputados). Os prefeitos mineiros prometem acompanhar de perto, a votação do “Femeg”, em segundo turno que esta prevista para a esta quarta-feira (12 de dezembro). A VOZ DO POVO.

 

CURTIU ? Vai La Compartilhe Nosso Post No WHATS E Nas Redes Sociais

FAZER UM COMENTARIO